little christmas

este texto já é um bocado antigo, mas nunca perdeu o significado.

És como um dos enfeites da minha árvore de Natal. 
São brilhantes e reluzentes. Parecem feitos de ouro puro, em tons de dourado e caramelo. Brilham, quase como se sorrissem, ao mínimo toque de luz. Como o auge inanalisável da perfeição. 
E na noite, assemelham-se a pequenas estrelas. 
Mesmo envoltos em luzes, nada lhes tira o protagonismo do seu brilho. Como pérolas perdidas e encaixadas num conjunto menor. Como se fossem demais, demasiado para aquele espaço. Como algo que se quer mas que é demais, para qualquer um. 
Mas se soprar, eles vão abanar e vacilar. Se os deixar cair, vão espalhar pelo chão alguns dos seus pedaços. Se forçar um dos seus extremos, vão partir-se e, provavelmente, desfazer-se. 
És assim, como um dos meus enfeites de Natal. Por muito que pareças ser diferente. 
Mas eu também o sou, como um desses pedaços brilhantes. 
Se os apertar, vão ficar com uma marca. Se abusar deles, vão perder brilhantes. Vão deixar de ter piada e de fazer qualquer um olhar quando passar por eles. Vão ser substituídos. 
Alguns, os que tiverem sorte, vão ser guardados. Outros são simplesmente esquecidos e deitados fora. 
Por isso sou assim, como um dos teus enfeites de Natal.


5 comentários:

  1. Eu gostava de fazer, mas infelizmente sou capaz de estar super contente hoje e amanhã já estar completamente para baixo.
    Tãooo lindo!

    ResponderEliminar
  2. a minha árvore de natal *-*

    ResponderEliminar
  3. pois é, dianinha, adorei a foto *-*

    ResponderEliminar